19/11/2008

Felicidade x Irritação

Ontem vi uma declaração da Carolina Dieckmann em um site. Não lembro qual agora, mas ela comentava sobre a fama de chata que ela carrega. A atriz se justificou dizendo que não é sempre que ela está feliz e de bom humor. E deu uma declaração que eu adorei...

"Eu, particularmente, não acredito nas pessoas que riem demais. O mundo não é uma maravilha, o mundo tá puxado, as pessoas têm problemas. Desconfio dessa gente que está no supermercado e, de repente, tá sorrindo. Não é possível, gente, o feijão subiu e a pessoa tá lá sorrindo. Desculpe, mas não tem do que rir no mercado, a não ser que ela tenha um problema na boca(...)"

Adorei!!! Sim, porque vocês podem me criticar, mas eu concordo com ela. Eu por exemplo me considero uma pessoa feliz, mas tem horas que fico irritada. Se quero atravessar a rua e o trânsito está movimentado, fico agoniada. Se vou ao mercado e aquela senhorinha sem noção deixa o seu carrinho abarrotado de compras no meio do corredor, eu fico brava. Se recebo visitas inusitadas que não estavam no programa, fico "aperreada" como diriam os queridos nordestinos.

São coisas da vida inerentes ao ser humano. Não dá para escapar disso. Se está vivo, sente raiva, inquietação, se aborrece. Lógico, tudo dentre dos limites lógicos e normais. Porque tem gente que tem irritação crônica. Que já acorda xingando! E para mim, nada mais me irrita do que pessoas irritadas. Pareçe até ridículo, mas tá aí uma coisa que me deixa enfurecida e me tira a paz, são pessoas extremamentes irritadas. Conheço muitas assim, e já não consigo mais disfarçar quando isso me irrita... Então dou uma de Carol, tiro o sorriso do rosto.

2 comentários:

Anne disse...

Ela muitas vezes foi "clicada" de cara feia...acho que não é muito fã dos paparazi.

P.S - Postei sobre moda.

Vívian Freitas disse...

Ai, até eu que sou anônima detesto que tirem fotos de mim, sem avisar... rs!!! Essa vida de artista deve ser meio chatinha. Ter que dar atenção a um monte de gente que nem sabe se vc acordou bem aquele dia. Tem dias que eu acordo e não querofalar com ninguém... E aí, já pensou o que esse povo passa?
bjim...

Blog Widget by LinkWithin